DRM é uma perda de tempo

null

O fundador da 2D Boy e criador de World of Goo, Ron Caramel, disse que a nova estratégia de protecção de software (DRM), de forma a combater a pirataria, é “uma perda de tempo”.

Não se preocupem com o DRM. Vão acabar por dar dinheiro ao fornecedor desse DRM. Tudo o que seja do interesse das pessoas acaba por ser crackado, e a versão crackada costuma oferecer uma melhor experiência ao utilizador do que a versão legítima porque não é necessário colocarem o aborrecido número de série.

Ron Caramel, em conversa com o site Gamespot

A gestão dos direitos de autor tem se tornado num assunto bastante polémico, com as produtoras a querer fazer algo para prevenir a pirataria, enquanto que outros se queixam de que o DRM é uma punição para os que compram os seus jogos honestamente, com limites de instalações e activações online.

Não vemos qual o interesse de ter DRM. Quem quiser um determinado jogo o mais certo é encontrá-lo em sites de BitTorrent. Vai acabar por ser crackado mesmo com o DRM, e estará disponível rapidamente.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

CommentLuv badge