Que jogador és tu?

null

É muito provável que já tenha visto em vários sites os termos jogador casual ou jogador hardcore. Por instinto, há quem possa imaginar o que isso significa, mas, para quem está a entrar agora no mundo dos jogos, estes dois termos podem gerar bastante confusão. Até mesmo quem já tem alguma familiaridade com jogos pode, às vezes, ter conceitos errados a respeito do assunto. O meu objectivo é tentar esclarecer as pessoas que tenham dúvidas sobre os conceitos.

Jogos hardcore são desenvolvidos por grandes empresas de entretenimento, por equipas de programadores e artistas profissionais, e geralmente apresentam um grande nível de detalhe e qualidade técnica. São aqueles jogos que são levados a exposições e submetidos a campanhas de publicidade, para garantir um retorno financeiro à altura das despesas do processo de criação, que muitas vezes ultrapassam centenas de milhares de dólares.

Jogos casuais, na sua maior parte, são aqueles que são facilmente encontrados em sites de downloads, muitas vezes completos. Quase sempre são desenvolvidos por empresas independentes, compostas por entusiastas que, algumas vezes, têm interesse em ingressar na indústria dos jogos. Este tipo de jogos são geralmente mais simples do que a maior parte das opções comerciais e, por isso, mais baratos.

O preço é de facto um dos maiores factores para determinar o público alvo, mas nem sempre isso é tudo. Com o passar do tempo, jogos hardcore acabam por ficar mais baratos, e o preço das duas categorias tende a aproximar-se bastante, tornando a distinção bastante nebulosa neste aspecto. Até mesmo ao avaliar o preço de lançamento, esta diferença pode ser menos visível graças ao preço elevado de alguns jogos mais ambiciosos.

Um dos aspectos mais importantes na distinção entre os dois tipos de jogador deve-se aos altos requerimentos de hardware que, os jogos profissionalmente desenvolvidos, geralmente apresentam: o jogador hardcore necessita de investir mais no seu PC para poder aproveitar ao máximo a experiência oferecida pelas grandes empresas de entretenimento, que investem cada vez mais em complexidade técnica, para agradar os jogadores mais exigentes.

Esse grau de investimento em hardware demonstra uma vontade de acompanhar as tendências do mercado. Essa é uma característica bastante forte do jogador hardcore: ele está sempre actualizado e informado sobre o seu gênero de jogos ou desenvolvedor favorito. Quem gosta de uma experiência mais casual não se importa com isso. Basta encontrar um jogo simples e divertido para se distrair e passar algum tempo.

Em jeito de conclusão, o que define realmente o perfil de um jogador é, essencialmente, a sua dedicação ao mundo dos jogos e a sua vontade de acompanhar as tendências do mercado dos jogos. Pode-se dizer que o jogador hardcore tem os seus jogos como se fosse um hobby/colecção, em vez de um simples passatempo. Tal como em diversas questões ligadas à informática e à tecnologia, a difrerença entre casual e hardcore, acaba por ser uma questão de preferência pessoal e personalidade do utilizador.

2 thoughts on “Que jogador és tu?

  1. Pingback: wii » Blog Archive » Que jogador és tu?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

CommentLuv badge